Resenha: Sonhos partidos - M.O. Walsh

by - segunda-feira, outubro 05, 2015


Sinopse: Baton Rouge, capital do estado da Louisiana, nos Estados Unidos, é uma cidade conhecida por seus churrascos no jardim, tardes quentes de verão, barris de cerveja gelada e muitos fãs de futebol americano. Mas no verão de 1989, quando Lindy Simpson, uma das garotas mais bonitas do bairro e estrela das pistas de corrida, é estuprada perto de casa, fica claro que os subúrbios bucólicos de Baton Rouge também têm um lado obscuro. Para uma vizinhança tão pequena, os suspeitos do crime são muitos. Entre eles o narrador da história, um adolescente obcecado por Lindy que mora na casa em frente à da garota. E é por meio de suas lembranças que somos levados a entender como términos de relacionamentos, culpa e amor podem transformar a vida de maneiras irreversíveis. Combinando o encantamento da infância com a história de um crime violento, em uma prosa perturbadoramente bela, M. O. Walsh analisa os momentos do passado que afetam de forma mais profunda a vida adulta. Uma estreia excepcional que combina suspense com reflexões filosóficas sobre memória, humanidade e verdade.


Estava louca para ler Sonhos Partidos desde que vi a sinopse no site da Intrínseca. M.O. Walsh é autor estreante, e com Sonhos Partidos conseguiu seu lugar na lista dos mais vendidos do New York Times. 

Sonhos Partidos conta a história de um pequeno pedaço da cidade de Baton Rouge. No ano de 1989 ninguém espera que tragédias aconteçam, até que Lindy, uma garota linda e simpática do bairro, é estuprada na calçada. 

E quem conta essa história é um narrador sem nome, vizinho de Lindy e apaixonado por ela. Acho muito engraçado o fato de o nome dele não ser citado, ultimamente vários autores têm usado essa técnica, acredito que para "esconder" a verdadeira identidade do personagem. E isso faz sentido para Sonhos Partidos, onde o narrador também é suspeito de estuprar Lindy.

No total há quatro suspeitos no estupro de Lindy, e conforme a história vai se passando, o narrador vai apresentando cada um. Pensei que fosse ler um thriller, mas Sonhos Partidos é muito mais que isso. É também um alerta, um tapa na cara sobre essa terrível coisa chamada estupro. M. O. Walsh criou um livro incrível, que prende a atenção e vai muito mais além do que o esperado.

Conhecemos a dor de cada personagem e a batalha travada internamente. Todos têm seus problemas e suas lutas, e fica bem claro no livro a premissa de que "se você planta dor, violência e ódio, são essas coisas que colherá". Posso dizer que em nenhum momento suspeitei do estuprador, foi um mistério muito bem desenvolvido. Além disso, o livro não é 100% focado em descobrir quem fez isso com Lindy, mas a história se resolve por si mesma. O autor intercala lembranças do narrador (que já está adulto e conta fatos passados) com possíveis suspeitos do crime. Achei isso muito legal porque não pesa a narrativa e não cansa o leitor.

Agora falando sobre o estupro: esse tema é triste e chocante. No mundo não há coisa mais cruel do que tirar a inocência de alguém à força, e só posso ver quem comete esse crime como um ser doente. Vemos, no livro, ao passar dos anos, como isso impactou a vida de Lindy, de seus pais e vizinhos próximos. Parece que uma parte dela se foi para sempre, e é desolador perceber isso.

Sonhos Partidos é um livro fantástico, envolvente e tocante, seja você fã de thriller ou apenas de boa literatura. M.O. Walsh não decepciona em sua estreia literária, e agora eu digo: quando vamos ter mais um livro dele?

Gostaram da resenha? Já conheciam o livro?

Nos encontre nas redes sociais:
         Facebook Twitter - Instagram 



You May Also Like

14 comentários

  1. Acabei de anotar o nome desse livro para não esquecer. Não conhecia, mas é o tipo de trama que eu adoro!
    Ótima resenha! Obrigada pela dica :)

    Beijos!
    SUA ESTANTE
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anote mesmo, Tatiana! Você não vai se arrepender ;D

      Excluir
  2. Oi Monique,
    Não havia lido nenhuma resenha sobre esse livro, ainda.
    Fiquei tocada com todo desenrolar, lendo a resenha e me surpreendi por não ser 'narrado' pela vítima.
    Quero ler, apesar da carga emocional.

    tenha uma ótima terça =D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, Nana! O livro vai te surpreender. Beijos!

      Excluir
  3. Oi Monique!
    Adoro os thrillers da Intrínseca e esse foi um que me chamou a atenção. Me interessei principalmente pela abordagem dos quatro suspeitos. Outra coisa que gostei foi o seu comentário sobre funcionar como um thriller mas funcionar simplesmente como uma boa história também.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A intrínseca sempre capricha nos thrillers que publica, né? Todos são ótimos!

      Excluir
  4. Que blog lindo! Amei *-*
    Eu já tinha visto a capa desse livro e achei linda, mas a sinopse não me conquistou muito não.
    Eu tenho mania de fugir desses livros com temas mais fortes, não sei se leria esse.

    Beijos,
    www.naestradadafantasia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é lindo mesmo, Marina! Mas leia sim, é uma obra incrível! Beijão.

      Excluir
  5. Nossa, nunca li um livro com esse tema, parece que prende a atenção mesmo, gostei *.*
    www.charme-se.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, Meninas
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas já me interessou. Acho muito válido o autor abordar esse tema. Infelizmente tem pessoas que acham que quem é estuprado é porque estava merecendo por causa da roupa e comportamento. Assim que der eu vou ler. E fiquei na curiosidade para saber quem é o culpado hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  7. Parece ser super bom!
    Esse tipo de leitura é sensacional, já madruguei algumas noites lendo livros assim! Quando tiver a chance, vou ler :))

    ResponderExcluir
  8. Olá, meninas.
    Não conhecia o livro, mas achei a resenha é interessante.
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  9. http://designnmania.blogspot.com.br/
    FAÇA UM ORÇAMENTO COMIGO, NÃO VAI SE ARREPENDER!

    ResponderExcluir
  10. Oi
    Não conhecia esse livro, gostei da premissa da história
    A coitada da protagonista deve ter sofrido e muito, pois o que aconteceu com ela é algo terrível para uma mulher. Esse tema é bem intenso.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir